A pé, Kobayashi critica Caterham por vender sua vaga

Japonês foi substituído por André Lotterer no GP da Bélgica e pode perder o lugar no restante do ano

Vendo sua vaga na Caterham ameaçada após ser substituído por André Lotterer no GP da Bélgica, Kamui Kobayashi criticou a postura de seu time de contar com pilotos pagantes.

[publicidade] Além de estar fora deste final de semana, Kobayashi pode perder a vaga também na próxima etapa, pois já circula o rumor de que Carlos Sainz Junior, membro do programa de desenvolvimento de pilotos da Red Bull e preterido em detrimento a Max Verstappen na Toro Rosso, pode ocupar o lugar do japonês em Monza.

“Realmente não me preocupo com minha vaga”, disse Kobayashi. “Sempre existem rumores, mas é simples: levar o time ao oitavo, nono lugar na classificação de equipes ou coisa do tipo seria difícil com um piloto pagante. Durante a temporada, não é fácil um piloto pagante alcançar o que é necessário em termos de performance logo de cara.”

Kobayashi entende que dar oportunidades de pagantes testarem pode ser uma fonte interessante de dinheiro para a equipe, mas não durante finais de semana de corrida. “Se voltarmos 10 anos no tempo, provavelmente havia alguns times com pilotos pagantes. Agora parece que todos estão fazendo essas coisas. A questão é o que a equipe quer e o que o piloto pode trazer. É uma pena”, lamentou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias