Alonso aposta em lição de casa bem feita para Austin

Espanhol acredita que segredo é chegar bem preparado. Massa compara circuito a traçados de Coreia e Índia

Apostando que chegará a Austin, nos Estados Unidos, com a lição de casa mais bem feita do que os rivais, Fernando Alonso acredita que a disputa da penúltima etapa do campeonato em um circuito novo pode ser sua grande chance de encostar no líder Sebastian Vettel. O espanhol está 10 pontos atrás do alemão com 50 em jogo.

“Quando você chega a um circuito novo é sempre complicado porque você tem de aprendê-lo logo de cara. Isso costuma nos favorecer, porque chegamos com as lições de casa mais bem feitas, nosso simulador funciona perfeitamente e talvez tenhamos mais oportunidades de treinar. Veremos se conseguimos aproveitar isso”, afirmou o piloto, que revelou fazer até 300 voltas no simulador quando se prepara para estrear em um novo circuito.

Já seu companheiro, Felipe Massa, vê um empecilho para a Ferrari ter qualquer vantagem em Austin. Perguntado pelo TotalRace sobre suas primeiras impressões a respeito do circuito, o brasileiro afirmou que o traçado se parece com duas pistas em que Sebastian Vettel foi dominante, liderando todas as voltas. “Eu guiei no simulador, achei algo na linha de Coreia e Índia, com reta grande, curvas de alta e um setor lento. Mas precisa chegar e ver, às vezes é diferente do que a gente pensa. A Red Bull foi forte nestas duas pistas, mas também esteve muito competitiva em Abu Dhabi.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Pilotos Fernando Alonso , Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias