Alonso não se lembra do acidente e pode perder último teste

Espanhol segue no hospital após batida no domingo; enquanto isso, ex-piloto questiona explicação da McLaren

Ainda internado após acidente sofrido no último domingo durante os testes de pré-temporada da Fórmula 1, Fernando Alonso não lembra de como foi a batida, que vem despertando desconfiança entre os profissionais da categoria.

[publicidade] Isso porque o espanhol teria perdido o carro de maneira incomum e porque sua McLaren não sofreu muitos danos. Mesmo assim, por ter sofrido uma concussão na batida, o espanhol foi levado de helicóptero para o hospital e permanece lá mesmo que seus exames não tenham constatado nenhuma lesão.

“Ele não se lembra do incidente, mas isso é normal. Acho que amanhã ele sairá do hospital”, afirmou Flavio Britatore, ex-chefe e amigo pessoal de Alonso, à Rai. “Foi apenas um acidente.”

O ex-comandante da Renault fez questão de salientar que as teorias acerca do acidente ter sido causado por uma descarga elétrica ou um mal estar do próprio piloto são infundadas. A McLaren culpou a instabilidade causada por fortes ventos pela batida.

“Não entendo essas histórias. Foi um acidente normal. Na telemetria vemos que ele estava tentando manter o carro na pista. Infelizmente, estas coisas acontecem – até com um piloto como Fernando – pois as forças G são tremendas. Outras vezes você tem acidentes horríveis e nada acontece com você”, defendeu.

“Foi o segundo acidente sério da carreira dele, sendo o primeiro em 2004 [a batida foi em 2003] quando ele sofreu um impacto duro em São Paulo”, lembrou. “O importante é que os exames deram todos negativo.”

A descrição do acidente por parte da McLaren, que demorou mais de 24h para ser divulgada, causou desconfiança. “A McLaren diz que Alonso estava diminuindo as marchas enquanto tentava frear no acidente. É incomum tentar diminuir marchas se você perdeu o controle de um carro”, especulou o ex-piloto e comentarista Martin Brundle.

O espanhol segue no hospital pelo terceiro dia, de acordo com os médicos, como medida de precaução depois de ter sofrido uma concussão durante o acidente. Ainda não se sabe se Alonso participará da última sessão de testes de pré-temporada, que começa nesta quinta-feira.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias