Alonso: “não somos rápidos, mas não vamos jogar a toalha”

Espanhol da Ferrari reconhece que a equipe tem problemas para encontrar o equilíbrio do carro e lidar com a degradação de pneus

Alonso fez apenas o nono melhor tempo nos treinos livres

Terminar a sexta-feira a 1s707 do primeiro colocado Mark Webber não foi exatamente o resultado dos sonhos de Fernando Alonso para o início do GP da Malásia. O espanhol, que foi quarto colocado na corrida da Austrália, reconheceu que sua Ferrari está longe do acerto ideal.

“Levando em consideração como as coisas aconteceram hoje, parece que será um final de semana difícil, mas vamos fazer todo o possível para nos aproximarmos dos ponteiros. As coisas não foram bem hoje e sofremos para encontrar um bom equilíbrio no carro, então veremos entre hoje a amanhã como podemos melhorar”, afirmou por meio da assessoria de imprensa da Ferrari.

“É apenas o começo da temporada: não somos rápidos o suficiente para lutar pela vitória e pela pole position, mas isso não significa que temos que jogar a toalha. Temos que aumentar nossos esforços para reduzir rapidamente a diferença que nos separa de quem fez um trabalho melhor que nós”.

O diretor técnico Pat Fry fez questão de salientar que não é apenas a Ferrari, único time que adotou a estratégia de três paradas com ambos os pilotos em Melbourne, que está tendo problemas com a degradação dos pneus.

“É lógico que esperava que fóssemos mais rápidos, especialmente em comparação aos dois times que estão claramente à frente. Não há muita aderência e a degradação é muito alta, mas como pudemos ver no final da segunda sessão, não éramos os únicos com problemas”, referindo-se às simulações com tanque cheio que as equipes fizeram, andando num ritmo seis a sete segundos mais lento que de tanque vazio e pneus novos.

O engenheiro, responsável pela estratégia do time de Maranello, espera ter um domingo difícil.

“Se a corrida for no seco, escolher a estratégia será complicado. Os pneus macios funcionam melhor. Os duros são mais lentos e são um pouco mais consistentes, mas não duram muito mais que os macios.” 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias