Alonso sai na frente das Mercedes no primeiro treino livre

Piloto da Ferrari é menos de dois décimos mais rápido que líderes do mundial; Hamilton fica na frente de Rosberg

Rosberg ficou sem o espelho retrovisor no início do treino
Vencedor por duas vezes do GP de Cingapura, Fernando Alonso liderou a primeira sessão de treinos livres. O piloto colocou a Ferrari à frente das Mercedes de Lewis Hamilton e Nico Rosberg.

[publicidade] Mesmo ficando atrás no treino, os líderes do mundial demonstraram tranquilidade e seus dois pilotos sequer estavam na pista nos últimos minutos. Ambos ficaram a menos de dois décimos do tempo de Alonso.

Sebastian Vettel foi o quarto colocado, ficando à frente de Daniel Ricciardo. Porém, quando a bandeira quadriculada já havia sido dada, o alemão parou sua Red Bull no final do pitlane e voltou

A Williams divulgou que seus pilotos usariam a primeira sessão para avaliar as novidades trazidas para o GP de Cingapura visando melhorar os níveis de pressão aerodinâmica gerados pelo carro, assim como as necessidades de refrigeração para a prova. Com isso, Felipe Massa foi o 13º e Valtteri Bottas, o 15º.

O treino contou com um momento curioso, quando Nico Rosberg perdeu o espelho retrovisor direito. O piloto chegou a carregar o espelho por algumas curvas antes de jogá-lo na pista.

No final do treino, a Ferrari de Kimi Raikkonen chegou com o freio dianteiro direito pegando fogo, que foi rapidamente controlado pelos mecânicos da equipe italiana. A temperatura dos freios é uma das preocupações dos times neste final de semana, devido à temperatura ambiente e às características da pista, em que os pilotos passam 22% da volta freando.

Os carros voltam à pista para a segunda sessão de treinos livres a partir das 10h30 pelo horário de Brasília.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias