Alonso se mostra animado para Spa e cumprimenta marca de Schumacher

“Não sou eu que tenho de dizer se ele é o melhor de todos, são os números que dizem", afirmou o espanhol da Ferrari

Alonso afirmou que não saberia dizer se completaria 20 anos de F-1

Fernando Alonso cumprimentou Michael Schumacher pelos 20 anos desde a estreia do alemão na F-1 e se disse orgulhoso de ter duelado com o heptacampeão na pista. Completando sua décima temporada na categoria, o espanhol afirmou que não saberia dizer se seguiria correndo até 2021.

“Não sou eu que tenho de dizer se ele é o melhor de todos, são os números que dizem: sete títulos, 91 vitórias, recordes incríveis. Tenho muito respeito por Michael e me sinto honrado de ter corrido contra ele. Não sei se em 2021 ainda estarei na F-1 e esta é mais uma confirmação da carreira extraordinária que ele teve.”

O espanhol ainda se mostrou animado com as melhoras que a Ferrari leva para a Bélgica.

“Temos algumas novidades que devem nos ajudar a melhorar a performance um pouco mais. Estou consciente da situação do campeonato, mas isso não significa que jogamos a toalha. Nas últimas semanas, falei algumas vezes com Stefano [Domenicali] e pude perceber que ele está muito motivado: gosto desse tipo de espírito e é o meu também.”

O espanhol revelou ainda que organizou junto de amigos uma mini-volta ciclística nas Asturias, que contou inclusive com a participação do diretor esportivo da Ferrari, Massimo Rivola.

“Todos sabem do meu amor pelo ciclismo então foi ótimo compartilhar isso com amigos e fiquei contente em descobrir que outras pessoas na Ferrari têm o mesmo interesse. Quem ganhou? Eu, porque estou mais bem preparado!”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias