Alonso termina treino livre acidentado na frente em Mônaco

Sessão contou com duas pancadas fortes: Rosberg, na saída do túnel, e Liuzzi, que estampou carro na St. Devote

Com dois acidentes sérios, o terceiro treino livre para o GP de Mônaco de F-1 agitou a manhã de sábado. Enquanto Fernando Alonso liderava a segunda sessão seguida, Nico Rosberg e Vitantonio Liuzzi arrumaram sérios problemas para a classificação.

Logo nos primeiros sete minutos, Rosberg perdeu o controle na saída do túnel, acertando a proteção e arrebentando a asa frontal e a roda dianteira direita. Já o caso de Liuzzi foi na St. Devote, quando, de lado, acertou os pneus.

Por conta dos dois acidentes, os pilotos tiveram apenas meia hora de trabalho, e a Ferrari soube aproveitar melhor esse tempo, com Alonso cravando a marca de 1min14s433, colocando mais de meio segundo em Jenson Button, da McLaren, o segundo, com Felipe Massa fechando o "top 3".

Sebastian Vettel, 0s812 mais lento, foi quarto com a Red Bull, seguido de Michael Schumacher, da Mercedes, e Lewis Hamilton, da McLaren.  Rubens Barrichello, por sua vez, andou em 12º com o FW33 da Williams, a quase três segundos de Alonso.

A tomada de tempos está marcada para as 9h, com transmissão ao vivo da Rede Globo.

 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Tipo de artigo Últimas notícias