Alonso vê Ferrari no caminho para resolver problemas

Espanhol explica que queda no rendimento é consequência de carro defasado desde o GP da Grã-Bretanha

Fernando Alonso explicou a queda de rendimento da Ferrari nas últimas provas, principalmente desde o GP da Grã-Bretanha: sem conseguir fazer as peças novas funcionarem, o time teve de dar um passo atrás. Agora, contudo, não tem mais desculpa.

 “Precisamos fazer uma grande avaliação do que temos de melhorar no carro”, defendeu o espanhol. “Acho que, em Silverstone, demos um passo atrás em termos de performance. Em Nurburbring, voltamos a usar peças antigas e o comportamento do carro era muito mais normal. No teste de Silverstone, tivemos a confirmação disso e passamos a usar peças antigas.”

Alonso creditou o rendimento abaixo do esperado, principalmente na Hungria, ao fato do time estar usando um carro defasado, sem peças novas.

“Agora, compreendemos o carro e os problemas. Sabemos o que precisamos fazer. Mas é muito normal que nosso rendimento seja defasado, porque estamos usando peças muito antigas. Achávamos que tínhamos dado um passo adiante em Silverstone e não foi assim. Precisamos que esses décimos a mais cheguem imediatamente para ter a mesma performance dos carros que estão lutando pelo campeonato.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias