Apesar de endividado, circuito de Silverstone não será mais vendido

Com contas após sua modernização em 2010, pista tem assegurado o futuro como sede do GP da Grã-Bretanha

Os proprietários do circuito de Silverstone confirmaram que as negociações para a venda da pista não tiveram êxito, no entanto o futuro do GP da Grã-Bretanha de Fórmula 1 está assegurado para os próximos anos

O presidente do BRDC (British Racing Driver's Club), John Grant, disse: "Depois de intensos esforços para garantir um acordo aceitável, não fomos capazes de trazer as negociações com o segundo potencial investidor a uma conclusão satisfatória .

"O BRDC agora irá manter a propriedade pleno controle de Silverstone, cuja equipe de gestão altamente experiente vai continuar a operar, promover e desenvolver a pista como o destino das corridas na Grã-Bretanha."

"Com ou sem outro investidor, o futuro de Silverstone e do GP da Grã-Bretanha estão seguros", acrescentou.

No ano passado, Silverstone vendeu um contrato de locação da terra ao redor do circuito para MEPC em 32 milhões de dólares para pagar empréstimos relacionados à remodelação do circuito em 2010. O intuito é construir um parque industrial e empresarial na região.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias