Após boa classificação, Force India cai de rendimento

Ambos os pilotos ficaram fora dos pontos em mais uma corrida na qual o novato Paul Di Resta superou o companheiro Adrian Sutil

Di Resta perdeu a décima colocação a três voltas do final

Beneficiados pela bandeira vermelha no final do Q2, os Force India de Paul Di Resta e Adrian Sutil largaram bem, em nono e 11º, respectivamente. Porém, o domingo do GP da China não foi tão feliz e o time saiu de mãos abanando de Xangai, com o escocês em 11º e o alemão apenas em 15º.

“Sabíamos que seria uma corrida dura, largando de onde estávamos. Chegamos muito perto de marcar pontos, mas meus pneus acabaram no final. O fato de não ter feito long runs na sexta-feira atrapalhou um pouco, porque não consegui o equilíbrio certo no início da corrida. Talvez fosse melhor fazer três paradas, mas temos que ver no simulador”, opinou Di Resta, por meio da assessoria de imprensa do time.


O escocês perdeu a última colocação nos pontos após ser ultrapassado por Kobayashi, a três voltas do final. Falando em Sauber, Adrian Sutil se envolveu em acidentes com ambos os pilotos do time suíço.


“Faltou sorte no acidente com Perez, que me custou a corrida. No final também tinha problemas com os pneus, que não duraram tanto quanto esperávamos. Temos que entender porque não fomos tão competitivos na corrida desta vez.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Paul di Resta , Adrian Sutil
Tipo de artigo Últimas notícias