Após erro em GP decisivo, Hamilton não teme peso de histórico ruim

Inglês acredita que consegue se recuperar muito melhor de suas falhas hoje em relação a decisões de 2007 e 2008

Lewis Hamilton chega a Abu Dhabi, última etapa do mundial de Fórmula 1, como líder do campeonato e grande favorito ao título. A condição não é novidade para o piloto inglês, que viveu situações semelhantes em 2007 e 2008, tendo também chances de título, ainda que remotas, até a prova final em 2010.

[publicidade] Contudo, apesar de ter vencido de forma dramática em 2008, o inglês ficou marcado pelos erros cometidos em momentos decisivos. Em 2007, ano de sua estreia, viu sua McLaren atolada na caixa de brita do GP da China, penúltimo do ano e que poderia ter selado a conquista do título. No Brasil, prova seguinte, errou novamente e perdeu o título para Kimi Raikkonen.

Em 2008, Hamilton também teve performances ruins nas etapas finais, no Japão e no Brasil, e quase se complicou novamente, conquistando o título com uma ultrapassagem na última curva.

Em 2014, o piloto tem sua primeira chance real de título desde então – e teve a prova brasileira marcada por mais um erro, desta vez uma rodada quando estava à caça do rival Nico Rosberg. O inglês, contudo, sente-se mais preparado para a decisão em Abu Dhabi.

“Foi muito diferente das coisas que aconteceram no passado. Obviamente, eu me recuperei do meu erro, de uma maneira muito melhor do que talvez teria feito no passado”, acredita. “Não estava correndo para vencer o campeonato, só para somar pontos. A próxima prova será diferente e, quando ela estiver se aproximando, vou decidir como será minha abordagem.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias