"Ayrton era definitivamente o melhor de sua geração", diz Alonso

Ao lado de Kimi Raikkonen, espanhol da Ferrari estará em Ímola, nesta quinta, para homenagear tricampeão

A Ferrari confirmou que sua dupla de pilotos estará presente nesta quinta-feira em Ímola para participar das homenagens ao brasileiro Ayrton Senna, morto em um primeiro de maio, há 20 anos, durante o GP de San Marino de 1994.

“Acredito que Senna estabeleceu um padrão para todos os pilotos e foi, definitivamente, o melhor de sua geração", elogiou o espanhol Fernando Alonso ao site da Ferrari.

[publicidade] "O que o fez especial foi a sua grande vontade de vencer e os números falam por si. Ele sempre lutou até o fim, o que lhe valeu o respeito de todos os seus colegas foi isto que fez dele uma lenda”, acrescentou o bicampeão mundial, que, aprendeu a admirar o piloto brasileiro por obra de seu pai.

“Eu era muito pequeno na época e a TV espanhola não mostrava Fórmula 1, mas eu comecei a saber algo sobre o Senna com o meu pai, que era um fã. E meu primeiro kart foi pintado com as mesmas cores que o carro do Ayrton”, revelou o espanhol.

Já Kimi Raikkonen disse que o dia do acidente fatal em Ímola ficou sempre em sua memória. "A morte de Senna foi um momento muito triste para o mundo da F1. Eu ainda estava na escola na época e, mesmo sem me lembrar muito do Senna, pois era bem pequeno, esse dia ficou fixado na minha memória. Eu acho que ele era um grande piloto e uma referência para muitos que vieram depois dele”, comentou o finlandês.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Kimi Raikkonen , Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias