Azarado, Kimi Raikkonen espera ter melhores marcas em terras germânicas

Não andando na pista desde 2008, o finlandês quer tirar a zica alemã e se beneficiar do calor para tentar conquistar um bom resultado

O finlandês Kimi Raikkonen se disse muito azarado quando corre em pistas alemãs, mas espera que com as altas temperaturas esperadas para o fim de semana, que o rendimento de sua Lotus seja muito bom. A ultima vez que Kimi esteve em Hockenheim foi em 2008.

"Sempre gostei de correr na Alemanha, mas a sorte nunca esteve do meu lado. Sempre alguma coisa acontecia e me fazia perder a prova quando estava para vencer. Já tive quarto poles, mas seis quebras, também. Sempre gostei do dois circuitos - Hockenheim e Nürburgring -, e me mostrava fui bastante competitivo lá. Quem sabe esse ano não seja o da virada", disse o esperançoso Homem de Gelo.

O finlandês, já sabendo o caminho das pedras do circuito, indica o acerto ideal que o carro tem que ter por lá: "Você tem que ter boa tração com seu carro, se não tiver boa aderência na parte traseira, não conseguirá brigar por posições mais além."

Pilotando pela última vez no circuito há quatro anos, a dificuldade em ultrapassar sempre foi visível, mas para o piloto da Lotus, com as ajudas que o piloto possui hoje, tal ato não deve ser de grande dificuldade.

"Quando estive na pista pela última vez na pista, isso em 2008, era bem difícil de se ultrapassar. Esse ano, com KERS e com o DRS, poderá ficar bem mais fácil. E como é esperado altas temperaturas, nosso carro pode se dar bem, pois funciona melhor nessas condições", finalizou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Alemanha
Pilotos Kimi Raikkonen
Tipo de artigo Últimas notícias