Barrichello não dá atenção a rumores sobre Raikkonen na Williams

Brasileiro lembra 2009: "Antes de eu acertar com a Brawn, vi muita gente sentada e assinada no meu lugar"

Barrichello se diz confiante para seguir na F-1 em 2012

Rubens Barrichello garantiu que não deu atenção ao noticiário desta semana, que dava conta de que Kimi Raikkonen havia fechado com a Williams para a temporada 2012. O brasileiro lembrou que passou pelo mesmo tipo de situação entre o final de 2008 e o início de 2009, quando a Honda abandonou a F-1.

“Graças à minha experiência, não ocorreu nada nesta semana. Foi só um jornal local que publicou uma notícia a qual outros sensacionalistas republicaram. São coisas que já aconteceram. Antes de eu acertar com a Brawn, vi muita gente sentada e assinada no meu lugar.”

O brasileiro aproveitou para reiterar sua vontade de seguir na F-1 ano que vem e me mostrou otimista com essa possibilidade.

“A única coisa que eu posso falar é que ano que vem são 40 anos de idade, 20 de profissão. Estou lutando muito para estar lá e estou muito positivo de que possa acontecer.”

(colaboraram Luis Fernando Ramos e Felipe Motta, da Índia)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Rubens Barrichello
Tipo de artigo Últimas notícias