Barrichello quer entender espiritualidade e cultura indianas

Brasileiro revela ainda que teve de apelar para o Playstation para aprender o novo traçado

Barrichello quer

Animado para conhecer um país como qual divide a importância dada a questões espirituais, Rubens Barrichello vai de peito aberto para a Índia. O piloto quer entender melhor a cultura e apela para o videogame para conhecer a pista.

“Pela experiência daqueles que estiveram na Índia, parece que espiritualmente é uma coisa bem legal. Eu que sou fanático por essas coisas novas do ponto de vista cultural, estou muito curioso para ir lá e visitar os templos.”

O piloto brasileiro revelou que não teve tempo de testar a pista no simulador e apelou para o jeitinho.

“A pista também me falaram que é muito legal. Não tive tempo de conhecer a pista no simulador e na semana anterior ao GP da Coreia comprei o jogo e vou aprender agora brincando no Playstation.”

Barrichello também citou os problemas legais que pilotos e equipes estão tendo para se adequar às leis locais.

“Outra coisa que eu quero muito chegar lá para entender é o fato de que todos os pilotos tiveram de assinar milhões de folhas, de contratos, porque existe uma cultura diferente. Como vamos ganhar dinheiro lá dentro, é complicado e todos estão se certificando de que está tudo certinho. Quero chegar lá e entender essa cultura porque me parece que os indianos ainda não têm muito o entendimento do quanto é legal um final de semana de F-1.”

(colaborou Luis Fernando Ramos)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Rubens Barrichello
Tipo de artigo Últimas notícias