Boullier: até outubro para decidir sobre Kubica

Chefe da Lotus Renault GP dá uma carta de confiança para o polonês, mas precisa saber de estado do piloto para definir dupla de 2012

Boullier: de olhos bem abertos para o futuro

A Lotus Renault GP determinou uma data limite de outubro para saber se Robert Kubica voltará ou não a pilotar em 2012.

O time patrocinado pela montadora francesa tem um problema em mãos: além de Kubica, o líder escolhido, outros dois pilotos correm com destaque e possuem patrocinadores importantes para sustentar a organização: Vitaly Petrov e Bruno Senna.
 
"O problema é que não posso perder a oportunidade de ter Robert de volta, mas, ao mesmo tempo, preciso proteger os interesses da equipe. Preciso definir a melhor dupla, ou a melhor que posso ter", disse o dirigente inglês à revista "Autosport".
 
"Serei flexível pois gosto muito de Robert e valerá muito seu retorno, mas, pelo meio e fim de outubro precisarei de uma confirmação, mesmo se tivermos trabalho para fazer", comenta o dirigente, que compreende a situação delicada do piloto polonês, que quase perdeu a vida em um acidente de rali.
 
"Não estou esperando que ele seja tão rápido quanto no ano passado, pois ficar fora das pistas por um ano é complicado e, ainda mais com o acidente que ele teve, não é fácil. Mas preciso entender se ele pode fazer isso", completa o francês.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Bruno Senna , Vitaly Petrov
Tipo de artigo Últimas notícias