Bruno Senna se surpreende com comportamento do carro e larga em 14º

Brasileiro afirma que fez pequena mudança no acerto. "Foi meio milímetro, não seria o suficiente para alterar o carro desse jeito.”

Bruno Senna larga em 14º na Índia

Bruno Senna se surpreendeu com a mudança do carro em relação à terceira sessão de treinos livres e ficou desapontado com a 14ª colocação no grid do GP da Índia.

“Tomamos algumas decisões equivocadas no acerto do carro. Foi uma mudança muito pequena, mas a pista foi completamente para outra direção e o carro mudou bastante em relação ao último treino livre, em que estava bem mais confiante. Foi meio milímetro, não seria o suficiente para mudar o carro desse jeito.”

Outra dificuldade foi fazer uma volta limpa com o carro nervoso e em uma pista que promove muitos erros.

“Foi super difícil fazer uma volta inteira sem errar aqui. Talvez para a corrida não seja tão ruim, mas a classificação foi um pouco desapontadora. O carro perdeu performance, estava muito inconsistente e difícil de pilotar. Acabei conseguindo acertar a volta inteira apenas duas vezes na classificação inteira e, mesmo assim, não era rápido.”

Para a corrida, o brasileiro acredita que sua Renault terá um comportamento diferente.

“O carro ficou ruim na traseira mas, com combustível, ele fica um pouco mais dianteiro normalmente. Depende também da temperatura – acabou ficando um pouco mais quente do que estava [na terceira sessão de treinos livres] e mudou a pista. Vamos dar uma olhada para ver se está tudo bem com o carro e ver o que acontece amanhã.”

Em relação à estratégia, Senna acredita que ninguém apostará em algo muito diferente: deve ser uma prova de poucas paradas devido ao baixo rendimento do pneu duro.

“O pneu duro acho que vai ser o curinga de todo mundo. Vamos usar o menos possível. Vai ser uma corrida com poucos pit stops, pouca diferença entre os carros. Se a gente tiver um ritmo bom, com certeza vai atacar.”

Também ouvido pelo TotalRace, Vitaly Petrov não escondeu a decepção por ter ficado fora do Q3 e feito o 11º tempo por um detalhe: fez exatamente o mesmo tempo de Jaime Alguersuari mas, quando cruzou a linha de chegada depois, acabou perdendo para o espanhol.

O russo largará em 16º pois pagará a punição pelo acidente com Michael Schumacher na Coreia.

“Estou desapontado porque chegar no Q3 era complicado, mas era possível. Acabamos empatando no tempo, mas amanhã vamos tentar chegar nos pontos. No momento, não sabemos [se dará para ultrapassar na corrida], pois é a primeira vez que corremos aqui, mas veremos.”

(colaboraram Luis Fernando Ramos e Felipe Motta, da Índia)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Bruno Senna
Tipo de artigo Últimas notícias