Button diz não saber o porquê de sua performance ruim

Décimo sexto e a uma volta de seu companheiro de equipe, vencedor de 2011 não entende falta de ritmo em Montreal

Button chegou em 16º no Canadá

As últimas corridas não têm sido fáceis para o inglês Jenson Button. O piloto da McLaren marcou apenas dois pontos nas últimas quatro provas, e viu seu companheiro de equipe Lewis Hamilton abrindo uma vantagem de 43 pontos no campeonato após vencer hoje no Canadá. A principal queixa do inglês tem sido os pneus Pirelli, que não vão de acordo com seu estilo de pilotagem. 

Hoje Jenson largou de 10º com o composto mais duro e, mesmo assim, viu seu pneu se degradando mais rápido que os de seus concorrentes mais próximos, com os compostos mais macios, e finalizou apenas em 16º.
 
“Não tinha velocidade. Não conseguia conservar os pneus, não tinha ritmo. Era o único com pneu duro no início, não pude conservá-los. É a mesma coisa das últimas corridas, não sei porquê. Era algo que era muito bom”, disse Button em entrevista acompanhada pelo TotalRace.
 
Para a próxima corrida, daqui a duas semanas em Valência, Button espera reverter a má fase e trabalhar em soluções que funcionem. “Agora vou dar uma relaxada. Sempre temos boas ideias, mas parece que não estamos fazendo progresso, não sei porquê. Ainda estamos 1,5s atrás dos líderes.”
 
Button também parabenizou a equipe e seu companheiro Hamilton pela vitória alcançada. “Parabéns à equipe. Eles encontraram velocidade no carro hoje, Lewis fez um bom trabalho e a estratégia funcionou no final. Parabéns a todos.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Jenson Button
Tipo de artigo Últimas notícias