Button vence, mas Vettel fatura o bi em Suzuka

Mesmo com problemas de pneus que forçaram uma parada antecipada e o tiraram da briga pela vitória, alemão é terceiro e leva título antecipado

Sebastian Vettel, o mais novo campeão da F-1

Bastaram 15 corridas, 12 poles, nove vitórias, quatro segundos lugares, um terceiro e um quarto, sem nenhum abandono, para Sebastian Vettel conquistar um título que já estava prometido a ele desde as primeiras corridas da temporada.

Em Suzuka, no Japão, nem um problema no consumo dos pneus, que forçou uma parada antecipada e o fez cair de primeiro para terceiro, tirou de Vettel o bicampeonato. O piloto de 24 anos poderia ter vencido, mas recebeu a bandeira quadriculada com dois segundos de desvantagem para Button.
 
Os dois, inclusive, chegaram a se estranhar na largada, com Vettel espremendo Button na grama, o que gerou uma reclamação da equipe McLaren, mas nenhuma ação foi tomada por parte da direção de prova.
 
Entre os dois, ficou Fernando Alonso, que largou em quinto e fez uma prova consistente rumo ao pódio com a Ferrari, enquanto seu companheiro, Felipe Massa, sofreu com os pneus médios, se envolveu em mais um toque com Lewis Hamilton e caiu para sétimo. Mark Webber fez uma boa prova com o segundo Red Bull, largando em sexto e chegando em quarto.
 
Completando os seis primeiros, Lewis Hamilton, com a McLaren, e Michael Schumacher, que chegou a liderar a prova com a Mercedes. Os outros brasileiros fizeram uma corrida bem discreta, com Bruno Senna (Renault) em 16°, uma posição à frente de Rubens Barrichello (Williams).
 
Fechando a zona de pontuação ficaram Sergio Perez, em uma ótima atuação com a Sauber, de 17° para oitavo, Vitaly Petrov (Renault) e Nico Rosberg (Mercedes), que partiu em 23° e penúltimo. A próxima corrida acontece no espaço de uma semana, na Coréia do Sul.
 
Final
 
 
Classificação dos campeonatos
 
 
 
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Tipo de artigo Últimas notícias