Candidato a presidente da FIA questiona ética de Todt

David Ward diz que atual governante usa reuniões da Federação Internacional para pedir votos para a reeleição

A briga pela presidência da FIA promete esquentar nas próximas semanas. Candidato de oposição ao atual presidente, Jean Todt, o britânico David Ward acusou o francês por usar sua posição para fazer campanha por votos.

“A FIA paga por reuniões por todo o mundo, incluindo para discutir como algumas regiões vão se beneficiar por atividades e recursos futuros da FIA”, afirmou Ward. “Nestas reuniões, foi solicitado a alguns clubes que assinassem comprometimentos em escrito para apoiar a reeleição de Todt.”

Para o britânico, isso “representa uma séria violação das regras e do código de ética da FIA. É vital que o processo de eleição seja conduzido de maneira justa, democrática e transparente.” Ward quer que a questão seja investigada pelo Comitê de Ética da entidade.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias