Catadão: Vergne se assusta com fogo e Pic terá de cumprir drive-through

Piloto da Caterham desrespeitou bandeira vermelha causada por incêndio no carro da Toro Rosso e foi punido

O fim de semana de escapadas, incidentes e punições em Suzuka não poupou a parte de trás do grid. Pelo contrário. Jean-Eric Vergne viu seu carro pegar fogo e ficou no Q1, enquanto Charles Pic e Jules Bianchi perderam 10 posições cada e largam na rabeira. Por desrespeitar a bandeira vermelha, Pic ainda terá que cumprir um drive-through até a quinta volta do GP de Suzuka. É a primeira vez que um piloto é punido na corrida, antes mesmo da largada. Veja o que disseram os pilotos de Toro Rosso, Marussia e Caterham:

Daniel Ricciardo (Toro Rosso), 16º:
"Não foi uma boa sessão para nós, o que é decepcionante. Ontem foi uma de nossas melhores sextas-feiras. O vento atrapalhou um pouco, mas nós definitivamente deveríamos ter conseguido mais hoje. Agora vamos ver o que podemos fazer na corrida. Por enquanto, não estou feliz com o equilíbrio do carro. Sobre o problema com Jean-Eric, não há razão para nos preocuparmos, já que tudo foi muito bem no meu carro em relação a isso"

Jean- Eric Vergne (Toro Rosso), 17º:
"Eu pensei que tinha um problema no motor, mas então percebi que os freios traseiros estavam travados. Tentei frear e não havia nada no pedal, então vi o fogo e tive que parar o carro. A equipe terá muito trabalho, pois o fogo durou bastante tempo. Espero que os principais componentes estejam em bom estado, principalmente o motor e a caixa de câmbio, mas haverá muitas coisas para mudar. E que toda a má sorte já tenha sido usada no treino. Não será uma corrida fácil, largando de trás, pois não é fácil ultrapassar em Suzuka”.

Max Chilton (Marussia), 18º:
"Estou muito feliz por estar à frente das duas Caterham na classificação, pela primeira vez desde a China! Na frente de um, já era esperado, mas bater tanto Pic, quanto Van der Garde é incrível e mostra o quanto há para lutar. E não foi simples. Tivemos apenas três minutos no fim, após a bandeira vermelha e as condições da pista estavam diferentes. Dei o máximo e agora estou ansioso para meu primeiro GP no Japão. Foi um grande trabalho de todos nós".

Giedo van der Garde (Caterham),  19º:
"Assim que sai para dar minha volta rápida, a bandeira vermelha foi acionada, então tive de voltar aos boxes. Tão logo o treino recomeçou, fomos direto para a pista, mas os pneus já tinham acabado. Ainda assim, vamos largar mais à frente devido às punições sofridas por outros pilotos. Tenho certeza que podemos voltar à posição que queremos na corrida”.

Charles Pic (Caterham), 22º:
"Saímos para as tr~es voltas cronometradas e me senti bem no carro, após as alterações antes da classificação. Mas, após a bandeira vermelha, não tivemos tempo para mais uma volta. Na última volta ainda fiquei preso atrás de outro carro, foi uma pena”.

Jules Bianchi (Marussia), 23º:
"É realmente ótimo para a equipe ter conseguido fazer o carro voltar a um estágio em que podemos superar a Caterham. Essa é uma notícia positiva para as corridas restantes. Para mim, com apenas 33 voltas durante todo o fim de semana, não tivemos oportunidade de voltar ao lugar em que começamos na sexta-feira, por isso passei a me concentrar mais na corrida. Vai ser difícil, saindo lá de trás, mas a equipe fez um trabalho fantástico com o acerto do carro, o que me fez chegar próximo ao Van der Garde. Então, espero ter uma corrida boa”.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pilotos Giedo van der Garde , Daniel Ricciardo , Max Chilton , Charles Pic , Jules Bianchi
Tipo de artigo Últimas notícias