Chefe da McLaren comemora avanços e melhora em túnel de vento

Eric Boullier diz que equipe ainda está longe de onde queria, mas vê possibilidade de time progredir até o fim do ano

A McLaren provou melhora no GP da Áustria, levando o dinamarquês Kevin Magnussen ao Q3 e à zona de pontos, trazendo suas novas alterações ao MP4-29. O diretor do time, o francês Eric Boullier, comemorou o resultado, e os avanços do túnel de vento, que melhorou seu problema de correlação de dados enfrentado durante a temporada de 2013.

"Obviamente é frustrante, porque não é onde queremos estar, mas precisamos ver alguns aspectos positivos", explicou.

"O positivo é que é encorajador ver que o trabalho duro está valendo a pena. Nós melhoramos o nosso desempenho em uma volta, bem como sobre a corrida com o nosso ritmo relativo em comparação com o resto do grid. Então, está ficando melhor, mas ainda estamos muito longe de onde queremos estar."

“Mais encorajador do que a elevação no desempenho do carro, porém, foi que as novas peças foram como o túnel de vento havia sugerido. É um conceito de fluxo de ar completo que precisamos desenvolver e estamos apenas no começo. Mas isso está começando bem.”

"E a coisa mais importante para nós é a correlação. Tudo o que trouxeram foi correlacionar adequadamente com tudo, todas as ferramentas que temos em Woking.

"Isso, para mim, é a chave e agora podemos confiar neles mais e empurrar mais."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias