Com "caminhão", Schumacher comemora diversão com quinto lugar

Animado com a briga com Lewis Hamilton, alemão conta que teve de tornar seu Mercedes o mais largo possível

Schumacher disse que se divertiu em Monza

Michael Schumacher coroou mais um ótimo final de semana com a quinta colocação no GP da Itália, em Monza. Com isso, contribuiu para o fato dos cinco campeões mundiais do grid terminarem a corrida italiana nas cinco primeiras colocações.

Quem não teve tanta sorte foi Nico Rosberg, que foi acertado em cheio por Vitantonio Liuzzi na primeira curva e abandonou.

“Foi uma corrida emocionante, tanto para mim, quanto acho que para todos nossos fãs, e por isso estou feliz. A briga contra Lewis foi muito divertida e meus espelhos pareciam muito pequenos em alguns lugares”, admitiu o alemão, que segurou o inglês por quase 30 voltas.

“Nós dois sabemos guiar no limite e foi o que fizemos. Tive de tornar o carro tão largo quanto um caminhão, mas no final, como esperado, ele ainda era mais rápido. Maximizar as oportunidades é o que dá para fazer em certas condições, e é por isso que me diverti hoje.”

Já Rosberg lamentou a chance perdida. O alemão esperava surpreender com uma estratégia diferente, largando com pneus duros.

“Foi uma corrida desapontadora. Liuzzi voou como um torpedo pela grama e me tirou da corrida. Foi uma pena porque tinha uma boa estratégia. O resultado de Michael mostrou que o carro estava muito forte.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Itália
Pilotos Michael Schumacher , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias