Com chuva e Vettel no muro, Alonso lidera treinos livres

Em sessão fria e pouco movimentada, pneus de chuva da Pirelli fazem sua estreia

Com a antecipação do GP da Turquia em três semanas em relação a outras temporadas, a F-1 teve sua sessão disputada em clima mais frio no ano. O primeiro treino livre foi realizado sob chuva e temperatura ambiente de 10ºC e temperatura da pista de 11ºC.

Foi a estreia dos pneus de chuva da Pirelli. Com isso, a asa traseira móvel foi desativada, já que não pode ser utilizada quando a sessão é declarada molhada. Também devido às condições, a Williams decidiu não usar a nova asa dianteira, já que a pista estava molhada demais para fazer uma avaliação.

A sessão começou com bandeira amarela causada pela Hispania de Karthikeyan, que ficou parada ainda na volta de instalação. Mas o primeiro tempo do dia foi estabelecido apenas com pouco mais de uma hora para o final da sessão, por Jerome d'Ambrosio: 1min49s518.

O primeiro das equipes grandes a dar o ar da graça foi Fernando Alonso, que marcou o melhor tempo dom 52 min para o final da sessão, baixando para 1min40s897 a melhor marca do dia. Enquanto isso, o líder do campeonato, Sebastian Vettel, ainda estava fora do carro. O reinado do espanhol não durou muito. Nico Rosberg logo baixou seu tempo em 0s825.

Com pouco menos de 40min para o final da sessão, Alonso mostrou que a pista já estava em condições de pneu intermediário e marcou o melhor tempo em 1min38s670. Ninguém chegou perto do tempo do espanhol, que colocou mais de 1s4 no piloto da Mercedes, seu rival mais próximo.
 

Alguns pilotos – Timo Glock, Michael Schumacher, Sebastian Vettel, Felipe Massa – escaparam na curva 11. O piloto da Red Bull reclamou de aquaplanagem. Alguns minutos depois, bateu forte e interrompeu a sessão. Desta vez, no entanto, foi na curva oitro em que saiu muito forte da curva e acabou no muro. O piloto falou no rádio. “Desculpe, pisei um pouco na zebra. Não havia nada que poderia ter feito.”

>>
O treino foi reiniciado com 18min para o final. Nesse momento, apenas 16 pilotos tinham marcado tempo e ninguém conseguiu melhorar. O que se viu foi uma sequência de rodadas, principalmente protagonizadas por Schumacher e Pastor Maldonado.

Rubens Barrichello foi um dos que pouco andou: fez apenas sua volta de instalação, no início da sessão, e depois voltou à pista no final do treino para marcar o 14º tempo. Quem também sequer se aventurou a marcar tempo na chuva foram os pilotos da McLaren. Curiosamente, Lewis Hamilton demorou tanto para fazer uma segunda saída que acabou sendo impedido de entrar na pista pelos comissários, já que o treino já havia acabado.
 

Resultado da 1ª Sessão de Treinos Livres - GP da Turquia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Turquia
Tipo de artigo Últimas notícias