Com Hamilton à frente, McLaren domina treino chuvoso na Coreia

Dupla coloca quase 2s no terceiro colocado Vettel em dia praticamente perdido de trabalho devido à chuva

Hamilton foi o melhor na chuvosa sexta-feira na Coreia

As McLaren dominaram a segunda sessão de treinos livres para o GP da Coreia do Sul, disputada com pista molhada no circuito de Yeongam. Lewis Hamilton superou o companheiro Jenson Button por um décimo, mas ambos foram quase dois segundos mais rápidos que o piloto mais próximo, Sebastian Vettel.

Felipe Massa passou praticamente toda a sessão em nono lugar, mas subiu para sétimo no final, com Rubens Barrichello em 13º e Bruno Senna em 15º.

Como a expectativa para o restante do final de semana é de tempo bom, a chuva na sexta-feira complicou a preparação das equipes.

Continuando com a pista molhada, assim como na primeira sessão, os pilotos saíram rapidamente para a pista no início do treino, com Sebastian Vettel liderando a tabela de tempos, seguido de perto por Button, Webber, Alonso e a dupla da Toro Rosso. Isso logo nos 10 minutos iniciais.

Com a melhora da pista, Buemi pulou brevemente para a ponta e Jenson Button abaixou em mais de 1s o melhor tempo. Mesmo com Hamilton tomando o primeiro posto do companheiro de McLaren, logo Button dá a resposta 0s8 mais rápido. Enquanto isso, Bruno Senna, Alonso e Massa (no caso dos pilotos da Ferrari, no mesmo trecho, davam duas escapadas. Não seriam os únicos ao longo da sessão.

Hamilton mais uma vez voltou à ponta, agora por meio segundo. A disputa entre os pilotos da McLaren fez com que a diferença para o terceiro lugar, de Vettel ficasse acima dos 2s. Após o final da primeira saída, Massa era nono, Barrichello 15º e Bruno Senna 19º.

Mesmo com a pista secando, como os pilotos se mantinham com o mesmo jogo de pneus intermediários, poucos tempos caíam. Ainda assim, Bruno Senna melhorou seu tempo e pulou para 14º, enquanto Vitaly Petrov se mantinha em décimo.

As equipes aproveitavam para fazer experiências, inclusive com peças já pensando em 2012, como no caso da Ferrari e suas asas dianteiras.

O primeiro a arriscar colocar os pneus de seco nem teve tempo de mostrar se era possível andar no circuito: logo na perigosa saída dos boxes, o espanhol colidiu com a Mercedes de Nico Rosberg, no que causou o fim do treino para o alemão, que não conseguiu trazer seu carro com a asa dianteira quebrada para os boxes.

Bruno Senna vinha melhorando seu tempo quando deu uma rodada, a exemplo de Alonso e Massa. Arriscando com os pneus supermacios, Buemi ficou apontando para o lado errado da pista. Mark Webber também tentou usar os slick e voltou aos boxes sem abrir volta rápida. O mesmo aconteceu com Button, que afirmou não conseguir gerar temperatura nos pneus, e Hamilton.

Confira os tempos da segunda sessão de treinos livres





 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Coreia
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias