Com nova asa, Renault almeja ficar entre os seis no grid

Equipe francesa aposta nas evoluções para brigar em igualdade com Red Bull, McLaren e Ferrari, além de ficar à frente da Mercedes

Nick Heidfeld no Canadá

Uma atualização na asa móvel para o GP da Europa enche a Renault de esperança para competir com Red Bull, Ferrari e McLaren.

O time, inclusive, tem esperanças de largar no 'top 6' em Valência, de acordo com o chefe Eric Boullier. "Esta pista deve se adaptar bem ao nosso carro e esperamos brigar por posições nas três primeiras filas."
 
O diretor técnico James Allison explica as evoluções para a Espanha. "Como sempre, teremos várias atualizações. A mais significante será uma nova asa traseira com um efeito maior do sistema móvel. Isso dará mais tempo de volta e oferecerá mais potencial de ultrapassagens durante a corrida."
 
Boullier acrescenta: "Precisamos de mais um ou dois pódios para solidificar nossa posição entre as equipes de ponta, e seguir à frente da Mercedes, cujo desempenho melhorou claramente. Manter nossa posição entre os quatro melhores no campeonato de construtores é uma prioridade absoluta, e precisamos melhorar nas próximas quatro corridas."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Europa
Tipo de artigo Últimas notícias