Com sobra, Vettel quebra recorde e crava pole

Massa sofre na sessão e larga da oitava posição; já Barrichello roda no início do Q2 e é obrigado a partir do 17º lugar

Com uma volta arrasadora, quebrando o recorde do circuito de Melbourne, Sebastian Vettel começará 2011 como terminou 2010: em primeiro lugar. Fazendo jus ao número de seu carro, o alemão sai da pole position no GP da Austrália com uma performance, até o momento, impecável.

Sem fazer esforço, o alemão quebrou o recorde da pista em cerca de quatro décimos, estabelecendo o tempo de 1min23s529, abrindo 0s778 para a McLaren de Lewis Hamilton, que impediu a Red Bull de fazer a primeira fila. A Mark Webber, piloto da casa, restou o terceiro lugar, seguido de Jenson Button na outra McLaren.

A Ferrari nada pode fazer a não ser olhar o domínio de Red Bull e McLaren, com seu melhor piloto, Fernando Alonso, a quase 1s5 de Vettel, em quinto; seu companheiro de equipe, Felipe Massa, quase foi eliminado no Q1, rodou na fase final e foi oitavo. Entre os dois, ficaram Vitaly Petrov, da Renault, e Nico Rosberg, da Mercedes.

 Quem também não teve muito o que comemorar foi Rubens Barrichello: o brasileiro da Williams pisou na grama quando se preparava para contornar a curva 3, rodou e ficou preso na caixa de brita. Sem tempo, sai em 17º, abrindo a nona fila.

Como foi o treino

 A primeira fase do treino viu Vettel assumir a ponta com sete minutos, enquanto Petrov deu mais uma passeada na grama. Webber pulou para a ponta na metade, perdendo logo a posição para Vettel, e, depois, Hamilton. Mais atrás, Karthikeyan e Liuzzi andavam nove segundos atrás do melhor tempo, sendo eliminados junto com Di Resta, Kovalainen, Trulli, Glock e D'Ambrosio. Massa, no sufoco, e Barrichello, passaram ao Q2.

A segunda sessão viu Barrichello pisar na grama na reta que antecede a curva 3, rodou, ficou preso na brita e foi obrigado a abandonar a sessão, tendo de largar em 17°. Com o cronômetro na metade, Vettel e Webber assumiram as duas primeiras posições, enquanto Sutil quase bateu seu Force India na reta dos boxes, segurando o carro no braço, juntando-se a Schumacher, Alguersuari, Perez, Di Resta, Maldonado, Sutil e Barrichello na lista de eliminados.

A fase final apenas provou o que as duas anteriores mostraram: Vettel na frente. O alemão registrou o novo recorde da pista em 1min23s529 e chegou a ficar um segundo à frente da concorrência. Já Massa rodou após sair dos boxes logo após deixar a garagem.

O GP da Austrália de F-1 tem largada marcada para as 3h (de Brasília), transmissão da Rede Globo e Rádios Bandeirantes, Jovem Pan e Globo/CBN.

Grid de largada:

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias