Combinado dos testes em Barcelona vê Schumacher em primeiro

Alemão da Mercedes deixa Ferrari de Alonso para trás em pouco mais de três décimos

 

Com o carro da Mercedes, Michael Schumacher terminou na frente a última bateria de testes coletivos da F1 antes do início da temporada, que acontece no dia 27 em Melbourne.
 
O heptacampeão mundial cravou a marca de 1min21s249 a bordo do modelo W02 atualizado na sexta-feira, quando treinava em ritmo de classificação, ficando 0s365 à frente de Fernando Alonso, com a Ferrari F150th Italia, em tempo também registrado no penúltimo dia.
 
Quem surpreendeu foi Sergio Perez. O vice-campeão da GP2 em 2010 terminou em terceiro com o C30 da Sauber, andando com pouca gasolina e estabelecendo uma marca pouco mais de meio segundo mais lenta do que Schumacher (1min21s761) e somente 0s027 melhor que Nico Rosberg, na outra Mercedes.
 
Atuais campeões, Sebastian Vettel e a Red Bull figuraram em sexto na tabela de tempos geral com o RB7, 0s616 mais lento do que o tempo feito por Schumacher, após liderar os dois dias iniciais de treino e passar a focar o trabalho de resistência no restante dos ensaios. Seu parceiro, Mark Webber, foi o 11º. 
 
Completando os seis primeiros lugares, Nick Heidfeld, com o Renault R31, ficou à frente dos dois brasileiros titulares, Felipe Massa, da Ferrari, o sétimo, e Rubens Barrichello, oitavo a bordo do FW33 da Williams. Quem não empolgou foi a McLaren, 14ª e 15ª com Lewis Hamilton e Jenson Button, nesta ordem, confirmando as queixas dos pilotos de falta de pressão aerodinâmica.
 
Outro brasileiro figurou na lista: Luiz Razia, que deu 29 voltas com o T128 da Lotus malaia no primeiro dia de ensaios e ficou com a 21ª posição no combinado. No fim da tabela, curiosamente, Jerome D'Ambrosio foi o que mais andou de todos (268 voltas), mas fechou a semana mais de seis segundos atrás da Mercedes com o carro da Virgin. De todos os times, apenas a Hispania não figura na lista.
 
Tabela de tempos combinada em Barcelona:
 
1°. Michael Schumacher (ALE/Mercedes), 1min21s249 (161 voltas)
2°. Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 0s365 (141)
3°. Sergio Perez (MEX/Sauber-Ferrari), a 0s512 (185)
4º. Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 0s539 (157)
5°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), a 0s616 (176)
6°. Nick Heidfeld (ALE/Lotus Renault GP), a 0s824 (119)
7º. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 0s843 (233)
8º. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), a 0s984 (194)
9º. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), a 1s066 (205)
10º. Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), a 1s147 (168)
11°. Mark Webber (AUS/Red Bull-Ferrari), a 1s217 (194)
12º. Vitaly Petrov (AUS/Lotus Renault GP), a 1s412 (167)
13º. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), a 1s426 (176)
14º. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), a 1s639 (90)
15º. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 1s661 (131)
16º. Heikki Kovalainen (FIN/Team Lotus-Renault), a 2s188 (178)
17º. Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes), a 2s404 (198)
18º. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), a 2s672 (134)
19º. Pastor Maldonado (VEN/Williams-Cosworth), a 2s859 (63)
20º. Davide Valsecchi (ITA/Team Lotus-Renault), a 4s157 (50)
21º. Luiz Razia (BRA/Team Lotus-Renault), a 4s781 (29)
22º. Jarno Trulli (ITA/Team Lotus-Renault), a 4s481 (104)
23º. Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes), a 5s474 (31)
24º. Jerome D'Ambrosio (BEL/Marussia Virgin-Cosworth), a 6s087 (263)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias