Confiante, Pic exalta mudança para a "melhor das equipes novas"

Francês elogia fábrica do novo time e destaca que Caterham sempre esteve em primeiro entre os times novos

Pic em visita à fabrica da Caterham

O confuso e emocionante GP do Brasil, repleto de acidentes e estratégias, permitiu que as nanicas Caterham e Marussia travassem um duelo pela melhor posição do ano, o 11º lugar. O resultado daria à vencedora a 10º colocação entre os construtores e uma quantia bem maior de dinheiro em relação à premiação destinadas aos times. Nessa batalha estava Charles Pic, que embora guiasse pela Marussia, já estava confirmado pela rival para 2013.

No final, deu Caterham, com Vitaly Petrov e Pic garantiu que a saia justa não afetou seu desempenho na prova. “Eu estava apenas pensando em minha corrida, forçando o máximo, não estava pensando nesta questão. Estava mais preocupado com o equilíbrio dos freios, o mapa do motor de mais ajustes, porque a pista estava mudando muito. Foi muito difícil e minha meta era fazer o melhor trabalho possível para Marussia. Depois do Brasil, sim, passei a trabalhar para a Caterham e estou muito feliz”, declarou o francês ao site oficial da F-1.

O piloto falou também sobre o que esperar com a troca de equipe. “As duas equipes são novas. A Caterham tem uma grande fábrica e estamos fazendo de tudo para ter um bom carro no próximo ano. Vejo um grande potencial na Caterham e estou 100% confiante que daremos um passo à frente em 2013”, observou Pic, para quem a Caterham é o melhor dos times pequenos.

“Entre as novas equipes, a Caterham tem sido sempre a primeira, mas com certeza podemos conseguir mais e essa é a nossa meta. Não acho que estamos sob pressão. Sabemos onde podemos chegar e isso é o que importa”, concluiu.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Charles Pic
Tipo de artigo Últimas notícias