De bem com a vida, Grosjean minimiza problemas da Lotus

Sexto colocado na última sessão, francês mostra bom humor com início da pré-temporada: “Sou um piloto feliz”

A estreia tardia da Lotus nos testes e os diversos problemas técnicos no motor do E23 não foram suficientes para tirar o bom humor de Romain Grosjean. Nesta quarta-feira, após deixar a pista de Jerez de la Frontera mais cedo do que o programado em decorrência de uma falha em seu carro, ele resumiu seu estado de espírito na pré-temporada: "Sou um piloto feliz".
 
[publicidade]Embora tenha rodado apenas 53 voltas e terminado na sexta colocação na última sessão – registrou 1min23s802 como melhor volta –, Grosjean afirmou que gostou do novo carro, que agora conta com motor da Mercedes – a antiga fornecedora da Lotus era a Renault.
 
"Todo mundo estava esperando muito o nosso primeiro parecer sobre a nova unidade de potência e o chassi. E tudo vem acontecendo na direção certa, o que é muito positivo", disse.
 
Disposto a apagar da memória os problemas que atrapalharam a Lotus em 2014, ele não escondeu a animação com a volta às pistas.
 
"É bom estar de volta. Seria melhor se estivéssemos no pelotão da frente no final do dia, mas eu ainda chamo a minha mulher quando saio do carro e digo: 'Sou um piloto feliz'. É um bom ponto de partida em relação ao ano passado", contou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias