Di Resta se diz pronto para enfrentar qualquer companheiro

Escocês se mostra tranquilo em relação à permanência na Force India e avisa que briga no meio do pelotão é intensa

Com a saída confirmada de Nico Hulkenberg, Paul Di Resta fala como primeiro piloto da Force India. Mesmo que não haja confirmação oficial da continuidade de seu contrato, o escocês não se diz “nem um pouco preocupado” e avisa para quem quer que chegue que a missão de levar uma equipe do meio do pelotão não é fácil. “Sinto que provavelmente conseguiria lidar com um estreante na equipe, assim como ter alguém competitivo. De qualquer maneira não me balança, mas na equipe queremos marcar pontos”, afirmou Di Resta.

“Sinto que tenho experiência suficiente e que tenho feito parte dessa equipe por tempo o bastante. Esse é um time forte do meio do pelotão, o trabalho é duro, mas me ensinou muito nos últimos anos sobre o tanto que pode lutar e ser recompensado”.

Mas Di Resta não se atreve a escolher o tipo de companheiro com quem quer dividir a equipe. Atualmente, o piloto está atrás de Hulkenberg, de malas prontas para a Sauber, no Mundial de Pilotos: 49 a 46 pontos. “Para ser totalmente honesto, não me importo. A decisão não é minha e não é algo com que deveria me preocupar. Estou empregado para fazer um trabalho e responder na pista”.

Em relação a seu contrato, o escocês se mostra tranquilo. “É a política da equipe não discutir isso, mas não estou preocupado. Não estou nem um pouco preocupado”.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Paul di Resta
Tipo de artigo Últimas notícias