Domenicali celebra melhora, mas diz que não é o suficiente

Depois de falhar em uma série de atualizações no carro, Ferrari finalmente consegue usar novidades na Bélgica

Depois de sofrer com uma série de melhorias que não funcionaram a contento nas últimas corridas, a Ferrari conseguiu usar todas as peças novas que trouxe para o GP da Bélgica, sinalizando que resolveu os problemas de correlação que atrasaram o desenvolvimento do carro desde a última vitória do time, no GP da Espanha.

“Tivemos um mês de julho muito ruim por vários motivos e estou muito contente em ver que estamos de volta”, destacou o chefe da equipe, Stefano Domenicali.

Mas o dirigente acredita que o passo dado em Spa não garante que Fernando Alonso, atualmente segundo colocado no campeonato, a 46 pontos de Sebastian Vettel, estará na briga pelo título. Para isso, é preciso melhorar ainda mais a performance.

“Não é o suficiente. Se queremos nos certificar de que chegaremos no final na briga, temos de dar outro passo na performance do carro. É importante continuar melhorando o carro. Vemos que a Red Bull certamente melhorou, então precisamos melhorar mais do que eles e estar lá se houver uma oportunidade, porque eles podem ter um problema.”

De qualquer forma, o fim da série de insucessos com as atualizações é um alento para a equipe. “Acho que foi importante não apenas para Fernando, que merecia um carro muito bom, mas também para a equipe, porque eles estão trabalhando muito duro para se certificar de que possamos lutar até o final do campeonato.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Tipo de artigo Últimas notícias