Domenicali: GP do Bahrein pode ser na segunda semana de dezembro

Além disso, italiano comenta sobre a reformulação feita no staff técnico de Maranello, com a retirada de Aldo Costa e a entrada de Pat Fry

Stefano Domenicali

 

Prepare-se: o GP do Bahrein pode ser realizado na segunda semana de dezembro. A ideia foi discutida na reunião das equipes em Mônaco e será levada ao Conselho Mundial, de acordo com o chefe da Ferrari, Stefano Domenicali.

O dirigente afirmou o desejo da Ferrari em redefinir a data da prova, suspensa por conta de conflitos políticos no país, e destacou a importância de uma rápida decisão, por conta da logística empregada na F-1.

"Eu posso falar da Ferrari e a Ferrari quer o Bahrein, é um ótimo lugar para a F-1. Estamos trabalhando juntos para ver os benefícios de um acordo de longo prazo. É o caso de esperar para ver", disse Domenicali, ouvido pelo TotalRace.

"Existe a possibilidade de ser levado para o Conselho Mundial um novo calendário com a última data, na segunda semana de dezembro, sendo no Bahrein. É traiçoeiro e precisamos resolver isso logo, ver uma logística para resolver. Foi o primeiro ponto que discutimos com Bernie [Ecclestone], agora vamos pensar e ver se é possível. Queremos ter o Bahrein."

Além disso, pela primeira vez, o italiano comentou sobre a reformulação feita no staff técnico de Maranello, com a retirada de Aldo Costa e a entrada de Pat Fry.

"Pat não é tão emocional como nós, italianos. Ele será bem calmo e é a mentalidade correta. Ele tem muita experiência e trabalhou com pessoas muito importantes. Sua entrada na nossa estrutura está pronta e as pessoas em Maranello estão incentivadas com isso", completa.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias