"É bom fazer pole, mas o que importa é a corrida", lembra Ross Brawn

Chefe da Mercedes diz que equipe, pole nos dois últimos GPs, ainda não tem equipamento para ir bem no domingo

Ross em coletiva na china

Apesar das duas poles conquistadas nas duas últimas corridas, a Mercedes não tem conseguido igualar o desempenho de sábado ao de domingo, na corrida. No Bahrein, por exemplo, Rosberg caiu da primeira para a nona posição na prova. Segundo Ross Brawn, é exatamente a melhora no ritmo de corrida o foco atual do trabalho da equipe.

“É bom ter conquistado a pole nas duas últimas corridas, mas o que importa é a corrida e nós ainda não estamos onde queríamos no domingo”, analisou o chefe da equipe à SkySports. “Nossos dois pilotos conseguiram extrair tudo do equipamento no sábado, mas ainda não temos condições de ser fortes na corrida. E é nisso que estamos trabalhando”, revelou.

Mesmo com a dificuldade na corrida, a Mercedes já tem só nestas quatro primeiras etapas de 2013 quase a metade dos pontos conquistados em todo o ano de 2012. Um resultado que sugere que as mudanças feitas no time no ano passado renderam frutos.

“Sabemos que as mudanças que fizemos no ano passado, que foram dolorosas na época, estão agora nos recompensando. Tivemos um segundo semestre muito ruim em 2012 por causa destas mudanças, mas agora temos um grupo motivado e estamos colocando as coisas no lugar”, afirmou o dirigente. 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias