Ecclestone aposta em Webber para parar domínio de Vettel

Chefão da Fórmula 1 não vê rivais chegando na Red Bull em 2012, mas torce por campeonato mais equilibrado

Ecclestone posa com Webber e com quatro dos seis campeões mundiais que estarão na pista em 2012

 

Bernie Ecclestone pode ter por várias vezes elogiado o bicampeão Sebastian Vettel, mas, se for para deixar a Fórmula 1 mais atrativa para os espectadores, o que o chefão da categoria quer é que o alemão pare de dominar o quanto antes.

“Claro que a Red Bull ainda estará lá. Preferiria muito se houvesse uma briga pelo título mundial no final da temporada”, afirmou ao Salzburger Nachrichten.

O inglês de 81 anos só não se preocupa muito com o domínio do piloto de 24 anos porque as corridas ganharam em emoção na última temporada. “Os espectadores ligam mais para a tensão das corridas do que do campeonato”, opinou.

Ainda assim, Ecclestone espera que ao menos o companheiro de Vettel, Mark Webber, retorne à forma de 2010, quando liderou boa parte do campeonato. No último ano, o australiano conseguiu chegar à frente do alemão em apenas um domingo.

“Não quero que a Red Bull domine da mesma maneira, mas temos que é o que vai acontecer. É por isso que coloco minhas esperanças nos ombros de Mark Webber. Neste ano veremos uma situação em que ele pode mostrar bem mais seu talento.”

Ecclestone espera ainda uma melhora de Ferrari e Mercedes, que ocuparam a terceira e quarta posições, respectivamente, nos últimos dois mundiais de construtores.

“Ficaria surpreso se a Mercedes não ganhar uma corrida neste ano. Em relação à Ferrari, só posso esperar que eles melhorem significantemente. Alonso é muito talentoso e merece um carro perfeito.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Mark Webber , Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias