Em clima de despedida, Button deixa até Alonso sem graça; assista

Com futuro indefinido, campeão de 2009 diz querer continuar, mas aceita se McLaren decidir por saída

Jenson Button chega ao GP de Abu Dhabi em clima de despedida, mas com uma ponta de esperança de ser mantido pela McLaren na próxima temporada. Nesta quinta-feira, perguntado pelo TotalRace se o fato de ter batido os companheiros em termos de pontos nos últimos anos não seria o bastante para mantê-lo na categoria, o inglês se mostrou resignado.

[publicidade] “Sinto que eu tenho muito a dar para uma equipe – não só por uma corrida em especial, mas pelo que consegui com minha carreira e tudo o que aprendi. Especialmente com uma montadora chegando... mas as pessoas têm seus motivos para fazer as escolhas e aceito se eles não quiserem me colocar no carro.”

O campeão de 2009 reconhece que o GP de Abu Dhabi pode marcar o último de uma carreira de mais de 200 corridas. “Pode ser meu último final de semana na Fórmula 1, então vou curtir. Minha família está aqui comigo – não para me apoiar, mas para curtir este final de semana”, afirmou.

“Claro que não estou pronto para me despedir. Estou aqui há 15 anos, mas há determinados momentos em que você tem de olhar para as outras opções que existem no esporte – e estou animado com isso. Não é que não veja mais graça na Fórmula 1, esse não é o caso, mas existe muita liberdade e animação por aí se não estiver aqui. Mas quem sabe o que vai acontecer?”

Durante a coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira em Abu Dhabi, Alonso foi perguntado se escolheria Jenson Button como companheiro para o ano que vem. O espanhol, que ainda não foi confirmado pela McLaren, o que é esperado para as próximas semanas, não escondeu a indecisão sobre como responder, o que causou uma reação engraçada de Button. Por final, Alonso disse que não sabe onde estará o ano que vem, e despistou. Assista:

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias