Evolução demonstrada em Cingapura dá forças para a Ferrari

Atualmente nove pontos atrás, equipe briga para superar Williams no campeonato de construtores

Depois de um bom final de semana no GP de Cingapura, quando um segundo lugar esteve em vista para Fernando Alonso, que terminou em quarto após fazer uma parada a mais nos boxes que seus rivais diretos, a Ferrari está embalada para a próxima etapa, neste final de semana, no Japão.

[publicidade] Segundo o diretor técnico da Scuderia, James Allison, o trabalho que vem sendo feito para melhorar a aderência mecânica do carro pode ajudar o time em Suzuka.

“Suzuka é uma pista em que a importância de ter potência no motor é um pouco menor do que a média do ano. É uma pista em que um chassi de bom manejo e com bastante pressão aerodinâmica é recompensado enormemente. Carros que vão bem nestes dois pontos estarão na ponta”, explicou o engenheiro.

“Saímos de Cingapura com alguma satisfação em áreas nas quais estamos trabalhando no carro, como a melhora da aderência mecânica. Parece que isso está dando resultado. Então vamos para Suzuka e para as próximas corridas determinados a tentar superar a Williams. Também planejamos aprender com os passos que daremos agora visando o ano que vem.”

Atualmente, a Ferrari está a nove pontos da Williams, na quarta colocação do mundial de construtores.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias