Falha de potência no motor causou má largada de Rosberg

A Mercedes revelou que a má largada de Nico Rosberg no GP do Japão aconteceu devido a um superaquecimento do motor

Apesar de os dois pilotos pularem bem quando as luzes da largada se apagaram, na fase de aceleração, Lewis Hamilton foi melhor que Nico Rosberg. A Mercedes explicou, após a prova, que o alemão teve uma pequena perda de potência devido a um superaquecimento do motor.

O chefe esportivo da Mercedes, Toto Wolff, explicou: "a largada foi boa para os dois carros. Nico teve um pequeno problema com um motor quente demais. Quando ele pisou fundo, após alguns segundos, não tinha a mesma potência de Lewis."

Wolff disse que o problema apareceu antes da largada, mas não havia resposta sobre o que causou a falha.

"Nós percebemos na volta de aquecimento, e isso afetou Nico durante toda a corrida - e afetou mais severamente ainda durante a briga pelas curvas 1 e 2, após a largada", disse Wolff.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pista Suzuka
Pilotos Nico Rosberg
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias