Falta de infra-estrutura hoteleira impede GP na Áustria

“Não existem quartos disponíveis o suficiente na região do circuito”, afirma Bernie Ecclestone

O Red Bull Ring, antigo A1 Ring, foi reinaugurado em abril do ano passado

A FIA deve anunciar uma versão final do calendário da temporada de 2013 da Fórmula 1 nos próximos dias, mas tudo indica que ele terá apenas 19 corridas. A data reservada para uma corrida na Europa no dia 21 de julho não deve ser preenchida, pelo que apontou Bernie Ecclestone em entrevista ao jornal austríaco Kronen Zeitung.

“Provavelmente ninguém vai ocupar esta data, que ficará livre. Isto significa férias maiores para todo mundo”, falou o dirigente. Algumas possibilidades consideradas para sediar a prova foram Turquia, França e Áustria.

Para Bernie, o que impediu a realização desta última possibilidade foi a falta de infra-estrutura na região de Spielberg, onde fica o autódromo Red Bull Ring. “O único problema é que não existem quartos disponíveis o suficiente na região do circuito. A pista é ótima, as pessoas envolvidas são amigáveis e é um prazer trabalhar com elas, mas falta esta estrutura”, disse o inglês.

A Áustria recebeu a F-1 pela última vez em 2003. “Hoje são muito mais engenheiros, patrocinadores, etc. Não há lugar suficiente para todos”, lamentou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias