Frank Williams: "Rubens nos economiza tempo e dinheiro"

Em entrevista exlcusiva, dono na equipe de Barrichello diz que brasileiro "sabe o que não se deve fazer" e que não se surpreenderia se piloto "ficasse por muito tempo"

Frank Williams recebeu o TotalRace em Valência

No momento em que chegamos ao mês de julho, período em que se aquece o mercado de pilotos para a próxima temporada, Frank Williams, lendário dono de equipe da Fórmula 1, recebe a reportagem do TotalRace em seu motorhome para falar sobre seu piloto, Rubens Barrichello.

O brasileiro, junto à equipe desde o fim de 2009, tem contrato até o final do atual Mundial e segue em conversas para saber se permanece ou não como piloto da Williams em 2012. Esta semana esteve na fábrica, em Grove, Inglaterra, para conhecer Mike Coughlan, que assumiu a liderança do time. Além de avaliar o projeto atual, Barrichello conversou sobre seu futuro.

Na conversa com o TotalRace, Frank Williams falou sobre o valor do veterano brasileiro em sua equipe: “Ele economiza tempo e dinheiro do time”. Confira a conversa com Frank Williams, realizada no sábado anterior ao GP da Europa.

TOTALRACE: O que o senhor diz do trabalho de Rubens Barrichello na Williams?

FRANK WILLIAMS: Meu primeiro comentário sobre Rubens seria instantaneamente que sua chegada foi uma experiência valiosa. Ele salvou o time de, não diria erros, mas às vezes foram erros, de gastar tempo em determinado desenvolvimento quando ele em apenas uma volta nos diz que estamos perdendo tempo nesta direção. Ele economiza tempo e dinheiro do time. E ele sempre sabe o que não é para fazer. Ninguém é esperto o bastante para saber o que fazer sempre, mas o homem sábio tem de saber o que não é para ser feito. Ele é um piloto de corrida muito sábio e maduro. Ele é o que precisamos agora.

TOTALRACE: E o futuro?

FRANK WILLIAMS: É uma pergunta em aberto. Depende do que podemos ou não podemos. Se tiver um bilionário que me diga ‘contrate quem você quiser’, talvez não fosse o Rubens. Lewis e Vettel estou sonhando em esquecê-los. Estou apenas tentando ser bem aberto contigo. Para nós agora ele é perfeito. E não me surpreenderia se ele ficasse conosco por um bom tempo. É algo provável, mas não certo, porque ele é um membro valioso da equipe. Vamos ver.

TOTALRACE: Você conhecia Emerson Fittipaldi e trabalhou com Nelson Piquet e Ayrton Senna. Após esses três grandes pilotos a pressão sobre Rubens foi muito grande. Como você compararia Rubens a essas três lendas?

FRANK WILLIAMS: É um trabalho muito difícil o de seguir os passos, como você disse, de Ayrton, e Emerson antes disso, Carlos Pace, enfim, todos os pilotos do Brasil. Mas ele tem suas próprias características e muitas vezes não é influenciado pelo passado. É um piloto muito experiente que quando está no seu dia pode ser incrivelmente rápido. Ele colocou nosso carro no grid onde não deveria estar muitas vezes. Ouvi antes de contratá-lo que ele é muito habilidoso e capaz.

TOTALRACE: Você mencionou Pace. No Brasil, ambos têm a mesma visão das pessoas, de pilotos que tinham muito potencial, mas que não atingiram o máximo que poderiam. Como o senhor compararia Rubens e Pace?

FRANK WILLIAMS: Carlos não correu por muito tempo, infelizmente. Rubens coloca muito esforço no time, muitas opiniões que vêm de muitos testes. Algo que nunca esperaríamos de Carlos porque havia muito menos testes naquela época. Se Carlos vivesse hoje, ele seria pressionado a abrir mão de seu tempo e ter mais performance. Seria um piloto melhor pois teria feito milhares de quilômetros a mais de corridas e de testes. Mesmo com tanta tecnologia agora, ele teria se saído muito bem.

CLIQUE NO BLOG DENTRO E FORA DAS PISTAS PARA OUVIR O ÁUDIO DA ENTREVISTA:

http://blog.jovempan.uol.com.br/f1/geral/entrevista-mais-do-que-especial-com-frank-williams/

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Rubens Barrichello
Tipo de artigo Últimas notícias