Hamilton espera ver a Red Bull dominante no frio da China

Piloto inglês considera que a McLaren esteve mais próxima dos rivais na Malásia devido às condições climáticas

Hamilton lamentou a escolha errada dos pneus na Malásia

Lewis Hamilton sabe que perdeu uma chance de ouro de somar pontos importantes na Malásia, quando más decisões estratégicas, problemas com o rendimento dos pneus duros e uma punição por defesa excessiva fizeram com que um potencial pódio se tornasse uma oitava colocação.

Mas o inglês da McLaren não soa muito animado em dar a volta por cima com o GP da China, disputado em clima bem mais frio que na Malásia.

“Quando se corre no calor, normalmente você tem que aumentar a refrigeração, o que faz com que se perda um pouco de pressão aerodinâmica. Não tivemos que fazer isso, mas talvez a Red Bull tenha feito e isso tenha contribuído para estarmos mais perto. Aqui é mais frio então eles deverão estar muito bem neste final de semana. Provavelmente devemos voltar para a situação da primeira corrida.”

O piloto garantiu que a McLaren terá upgrades no carro. “Se funciona ou não, temos que esperar para ver.”

O inglês acredita que a asa traseira móvel e o Kers farão ainda mais diferença na China do que na Malásia, mas que os pilotos terão menos problemas com pneus. “Acredito que voltaremos a duas paradas”.

Sobre a punição de 20s que recebeu como resultado da disputa com Fernando Alonso no GP da Malásia, Lewis garantiu que não vai mudar seu estilo de pilotar.

“Não acho que fui duro demais na defesa da posição. Sou um corredor e acho que as pessoas querem ver isso, querem ver disputas. Nunca colocarei ninguém em risco. Sempre corri com meu coração e sempre tomei decisões inteligentes para ultrapassar e defender.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias