Hamilton lidera primeiro treino; Alonso quebra

Red Bull e McLaren dominam "G4"; melhor brasileiro foi Massa, o sétimo colocado; Barrichello fica em 14°, logo atrás de Senna

Alonso observa replay de quebra no telão

Inspirado por Bob Marley, pintado no topo de seu capacete, Lewis Hamilton começou com o pé direito os treinos livres para o GP da Índia de Fórmula 1, antepenúltima corrida da temporada 2011.

O piloto da McLaren comprovou o domínio da Mercedes no treino e cravou a marca de 1min26s836 nos segundos finais, quebrando uma dobradinha da Red Bull, que colocou Sebastian Vettel e Mark Webber em segundo e terceiro.
 
Logo atrás, em quarto lugar, apareceu a McLaren, com Jenson Button. Michael Schumacher, da Mercedes, e Nico Rosberg, seu parceiro, fecharam os seis primeiros. Felipe Massa, melhor brasileiro e representante da Ferrari nesta manhã, foi sétimo.
 
Quem não teve um bom início de dia foi Fernando Alonso. Um problema de motor vitimou a Ferrari do espanhol após o piloto completar apenas quatro voltas. Como resultado, o bicampeão ficou no fim da lista, em 24°. Outro que não teve sorte foi Jaime Alguersuari, que errou e bateu nos minutos finais da sessão.
 
Rubens Barrichello foi o 14º com a Williams, quase três segundos mais lento que Vettel e uma posição atrás do compatriota Bruno Senna, a 2s3 do melhor tempo com a Lotus Renault GP.
 
A sessão teve um domínio quase que inteiro dos motores Mercedes, com Michael Schumacher, Jenson Button e Lewis Hamilton marcando os melhores tempos, respectivamente, quando a pista passou a ficar um pouco mais competitiva.
 
Por ser um traçado novo e "virgem", a poeira na pista era uma constante, com os carros escorregando em quase todas as curvas. Muitos escaparam da pista, como Massa e Alonso, entre outros. 
 
A sessão chegou a ser interrompida por alguns minutos logo após seu início por conta de um cachorro que invadiu a pista. A próxima prática está prevista para as 6h30 (de Brasília).
 
Resultado do primeiro treino:
 
1° Lewis Hamilton (McLaren), 1min26s836
2°. Sebastian Vettel (Red Bull), a 0s580
3°. Mark Webber (Red Bull), a 0s592
4°. Jenson Button (McLaren), a 1s558
5°. Michael Schumacher (Mercedes), a 1s695
6°. Nico Rosberg (Mercedes), a 1s706
7°. Felipe Massa (Ferrari), a 1s808
8°. Adrian Sutil (Force India), a 1s869
9°. Sebastien Buemi (Toro Rosso), a 2s383
10°. Kamui Kobayashi (Sauber), a 2s519
11°. Paul di Resta (Force India), a 2s864
12°. Vitaly Petrov (Renault), a 2s869
13°. Bruno Senna (Renault), a 2s963
14°. Sergio Perez (Sauber), a 3s296
15°. Rubens Barrichello (Williams), a 3s531
16°. Jaime Alguersuari (Toro Rosso), a 3s730
17°. Pastor Maldonado (Williams), a 3s833
18°. Jarno Trulli (Lotus), a 3s982
19°. Karun Chandhok (Lotus), a 5s651
20°. Timo Glock (Virgin), a 5s935
21°. Daniel Ricciardo (Hispania), a 7s092
22°. Narain Karthikeyan (Hispania),a 7s277
23°. Jerome D'Ambrosio (Virgin), a 8s960
24°. Fernando Alonso (Ferrari), a 9s063

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias