Hamilton não esperava nem ir ao Q3, mas mudanças garantiram a pole

Inglês da Mercedes estava bastante frustrado após os treinos livres e precisou mudar até sua pilotagem para ser o 1º hoje

Depois de treinos livres frustrantes, Hamilton chegou a pensar que não conseguiria nem passar ao Q3 no treino classificatório. O inglês então sentou com seu engenheiro e juntos decidiram fazer mudanças no carro e na própria pilotagem de Lewis. Resultado: Hamilton larga na pole position amanhã.

“É difícil explicar como me sinto. A sensação de acertar uma volta e fazer uma pole ou vencer é difícil de reproduzir em outras situações. Na sexta-feira, as coisas foram de mal a pior, não estava conseguindo chegar a lugar algum com o acerto. No sábado de manhã, estava ainda pior. Então esperava que as mudanças que fizemos dessem resultado, o que aconteceu. Além disso, havia áreas em que eu tinha de melhorar minha pilotagem, e consegui fazer isso rapidamente, o que sempre dá confiança para o piloto”, revelou o piloto da Mercedes.

“Já tinha dito para meu engenheiro que nem esperava estar entre os 10 primeiros. A situação era tão ruim assim do meu lado dos boxes. Mas ele me ajudou muito a acertar o carro. Devo tudo à equipe, que está nos levando adiante e melhorando a performance. Mas os pontos só são dados na corrida”, acrescentou Hamilton.

O campeão de 2008 sabe que um bom resultado na corrida de amanhã depende completamente do bom aproveitamento dos pneus. “Os pneus serão importantes desde o início. Os traseiros parecem que estão bem, mas os dianteiros começam a berrar muito antes. Será uma questão de cuidar deles desde o começo do primeiro stint e, depois disso, vamos ver o quanto os pneus médios aguentam. A Red Bull tem um ritmo muito forte, então temos muito trabalho hoje à noite para poder batê-lo”, completou.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias