Hamilton: "Se Massa tiver coragem, que venha falar comigo"

Inglês reconhece má fase e afirma querer que qualquer problema com o brasileiro seja resolvido cara a cara

Hamilton admitiu que está tendo sequência longa de corridas ruins

Depois de adotar o tom do 'deixa disso' durante o final de semana passado, no Japão, Lewis Hamilton afirmou ao TotalRace na Coreia que Felipe Massa deveria “ter coragem e vir falar” na cara dele caso tivesse algum problema.

“Se ele tem algo a dizer sobre mim, deveria dizer na minha cara. Se eu tiver algo a dizer para ele, direi na cara dele ao invés de falar para os outros. Se ele criar coragem para falar comigo, estou aberto para isso. Não tenho nada além de respeito por ele, nenhum tipo de problema. Vamos esperar que as coisas mudem e que a gente não precise passar por tudo isso.”

Falando sobre sua má fase, o piloto da McLaren admitiu que nunca na carreira havia sofrido com um período tão longo de corridas ruins.

“Sou meu pior crítico e, quando não estou tendo resultado, levo para o lado pessoal, porque não há ninguém para culpar, para sentir a dor. Estou sentindo mais do que qualquer um essas cinco ou seis corridas ruins que tive – é o período mais longo de corridas ruins que eu já tive.”

Altos e baixos não são novidades na carreira do inglês. No entanto, Hamilton sempre se recuperou rapidamente após alguma corrida ruim. Perguntado por que estava sendo diferente desta vez, o campeão de 2008 reconheceu ter problemas extra-pista.

“Acho que no passado tínhamos mais energia para fazer isso. Tínhamos um carro muito bom, com o qual eu podia voltar a andar bem. Nos últimos anos, não tenho tido isso. Mas também tem outras coisas pessoais, tem a ver com assumir os erros. Não tem nada a fazer senão trabalhar nisso. O quanto tempo vai demorar não tenho ideia alguma.”

(colaborou Luis Fernando Ramos, da Coreia)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Coreia
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias