Hamilton tira vídeo de arma do Instagram após alerta da equipe

Depois de ataque terrorista a trem na França na última sexta, piloto poutou vídeo atirando com uma arma AK-47

Líder do campeonato da Fórmula 1 por 28 pontos, Lewis Hamilton protagonizou uma gafe em suas mídias sociais. Bem ativo no Instagram no Twitter e no Facebook, o piloto da equipe Mercedes postou um vídeo de suas férias nesta última sexta-feira no qual atirava com um rifle AK-47.

Na postagem, Hamilton faz tiro ao alvo com a arma semiautomática e depois posa para a câmera. O momento foi inoportuno, já que um ataque a um trem que ia de Paris a Amsterdã havia ocorrido poucas horas antes. Três pessoas ficaram feridas após ocupantes do trem reagirem e desarmarem o terrorista.

Após fãs acharem o vídeo insensível, Hamilton recebeu ordens de tirá-lo pelo chefe não-executivo da Mercedes, o ex-campeão de Fórmula 1 Niki Lauda. O chefe do time, Toto Wolff, disse que seu piloto “precisa estar mais atento sobre o que está acontecendo no mundo”.

Hamilton negou que tenha postado o vídeo, alegando que um amigo, que gere suas mídias sociais, tenha feito a publicação. “Fui a um campo de tiro, atirei em alguns alvos. Foi bem divertido”, ainda falou.

A história não foi a única polêmica envolvendo Lewis Hamilton durante o verão europeu. Passando o carnaval em Barbados, o piloto foi flagrado em várias fotos bem próximo da cantora Rihanna.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias