Hamilton volta atrás e assume culpa por acidente com Kobayashi

Japonês ironizou reclamações do inglês após a corrida: "Deveria ter ido para a grama com ele?"

Hamilton disse que voltou atrás ao ver o replay da batida

Lewis Hamilton voltou atrás e reconheceu a culpa pelo acidente que o tirou da corrida na Bélgica. O inglês encontrou Kamui Kobayashi pelo caminho e teve o segundo abandono do ano – ambos por acidentes.

Inicialmente, Hamilton havia culpado o japonês pela batida.

“Assistindo o replay, percebi que foi 100% culpa minha. Não dei espaço para Kobayashi, mas pensei que tivesse passado. A equipe merece que eu tenha um melhor trabalho ”, escreveu em seu twitter.

Logo após a prova, Hamilton havia afirmado que “estava à frente de quem quer que estivesse atrás de mim e daí bateram.”

Kobayashi havia criticado a postura do inglês. “Não sei o que precisava fazer – talvez ir para a grama com ele?”

No sábado, Hamilton havia sofrido uma crítica por se estranhar com o venezuelano Pastor Maldonado. O piloto da Williams aproveitou para alfinetar o inglês. “Ele fez o mesmo comigo. Acho que precisa focar mais quando estiver correndo”, afirmou após a prova.

Não foi a primeira vez que Maldonado e Hamilton se encontraram no ano. No GP de Mônaco, o venezuelano vinha em sexto quando foi atingido pelo piloto da McLaren.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias