Heikki Kovalainen é mais um que aponta curva oito como ponto crucial em Istambul

Para o finlandês, acerto do carro para o GP da Turquia deve ser baseado em seu comportamento naquele trecho

Kovalainen está satisfeito com progresso da Lotus

Quando se fala no Grande Prêmio da Turquia, a conversa logo converge para a curva oitooito. Feita em alta velocidade, com muitas mudanças de direção e precedendo uma reta relativamente longa, ela é o ponto chave do circuito de Istambul. O finlandês Heikki Kovalainen, da Lotus, também reconhece isso.

“O circuito de Istambul é um pouco diferente dos outros. Há uma curva crucial para se ter em mente na hora de acertar o carro. A curva oito exige muito do equipamento e é preciso trabalhar no equilíbrio nela nos treinos livres e também na classificação. Você pode ganhar e também pode perder muito tempo só nesta curva”, explicou o piloto em um vídeo distribuído pela assessoria de imprensa da equipe.

Kovalainen também mostrou satisfação com a performance atual da Lotus. “Quando me juntei à eles, há 18 meses, não imaginava que estaríamos tão avançados nesta altura. Mas crescemos como um todo. Não somos mais uma equipe nova, mas um time estabelecido. E merecemos o respeito dos outros times. Nossa distância não só para os carros do pelotão intermediário, mas também pelos da ponta diminuiu incrivelmente em relação ao último ano. Vejo um futuro fantástico para a Lotus”, disse o finlandês.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Turquia
Pilotos Heikki Kovalainen
Tipo de artigo Últimas notícias