Hembery acredita que equipes podem se surpreender nos EUA

Apesar de levar os compostos mais duros para a estreia de Austin, Pirelli lembra que pista é bastante abrasiva

Pirelli tem dados coletados por D'Ambrosio

A Pirelli levará a Austin seus compostos mais duros e disponibilizará um jogo extra de pneus duros na sexta-feira para dar mais tempo de pista às equipes. Mesmo assim, o diretor esportivo da empresa, Paul Hembery, alerta para a superfície abrasiva da pista e espera que a corrida tenha duas paradas.

“Acho que um circuito novo sempre pode surpreender alguns. Certamente, o traçado parece interessante, e pelos dados que temos a respeito da superfície, certamente não está no grupo de Coreia, Abu Dhabi e Índia, que são todos como mesas de bilhar”, afirmou à ESPN.

Hembery admitiu que a empresa tem sido menos agressiva nas últimas corridas, mas também salientou que carros e pilotos estão mais bem adaptados aos pneus.

“Não dá para agradar a todos, só tentamos o equilíbrio que sentimos ser o certo. Talvez pudéssemos ter sido um pouco mais agressivos, mas no final das contas só temos quatro compostos para escolher. Além disso, estamos no final da temporada e obviamente pilotos e equipes trabalharam duro para minimizar a degradação. Ninguém quer mais falar de pneus. Agora é mais sobre carros e pilotos.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Tipo de artigo Últimas notícias