Hembery destaca estratégias diferentes entre os primeiros colocados

Diretor esportivo da Pirelli comemorou ainda a durabilidade mostrada pelo pneu macio, utilizado por Sebastian Vettel por 56 voltas

Vettel, Alonso e Button batalham por 1ª posição

A Pirelli comemorou o fato de alguns pilotos conseguirem completar mais de 50 voltas com os pneus macios durante o GP de Mônaco. Foi o caso do vencedor Sebastian Vettel, numa prova em que os três primeiros utilizaram estratégias diferentes.

“Fomos privilegiados por ver uma das batalhas mais próximas pela vitória em Mônaco. Os três primeiros usaram estratégias completamente diferentes e chegaram praticamente juntos, o que era exatamente nosso objetivo no começo do ano. É ótimo ver a estratégia sendo parte tão grande da ação”, afirmou o diretor esportivo da marca italiana, Paul Hembery, por meio de assessoria de imprensa.

Durante a prova, apenas Vettel, Kamui Kobayashi e Narain Karthikeyan fizeram só uma parada. Jenson Button e Nico Rosberg optaram por três. O restante trocou de pneus duas vezes nos boxes.

Os pilotos ainda teriam uma outra oportunidade de usar borracha nova. Com a bandeira vermelha a cinco voltas do final, as equipes puderam mexer nos carros.

“Não fosse a bandeira vermelha, tenho certeza de que a luta entre os três primeiros seguiria até o final. Também foi ótimo ver outros pilotos marcando pontos, como Kobayashi, Sutil, Buemi e Barrichello”, destacou Hembery.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Tipo de artigo Últimas notícias