Homenageando Maria de Villota, Susie Wolff guia pela primeira vez um F1

Britânica de 29 anos testou uma Williams do ano passado em Silverstone com uma estrela vermelha no capacete

Susie Wolff com o FW33 em Silverstone

Pela primeira vez a bordo de um Fórmula 1, Susie Wolff guiou nesta quarta-feira, em Silverstone, uma Williams da temporada passada. A piloto, que também é esposa do diretor executivo do time inglês, Toto Wolff, dedicou a experiência à colega Maria de Villota, que sofreu um grave acidente em julho, quando testava para a Marussia. Como conseqüência do acidente, que ocorreu no circuito de Duxford, Villota acabou perdendo o olho direito.

“Estive em contato com Villota algumas semanas atrás e ela me disse para guiar por nós duas, que estaria representando tanto eu quanto ela”, revelou Susie, que pilotou com uma estrela vermelha no capacete em homenagem à Villota.

Susie Wolff competiu nas últimas sete temporadas da DTM e, em abril, foi contratada pela Williams para exercer a função de piloto de desenvolvimento. Mas até guiar o FW33 em Silverstone, nesta quarta, ela só havia testado em simuladores. A britânica de 29 anos pilotou por cerca de 100 km.

Além de Susie, também estiveram no evento festivo de hoje, o finlandês Valtteri Bottas, o brasileiro Bruno Senna e o venezuelano Pastor Maldonado. Bruno pilotou o FW08, carro campeão do mundo de 1982, com Keke Rosberg, enquanto Pastor Maldonado se divertiu a bordo do FW18, de Damon Hill, campeão mundial de 1996. Amanhã, o também britânico Luciano Bacheta deve fazer sua estreia com um F1, como recompensa pelo título da F2 2012.   
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Pista Silverstone
Tipo de artigo Últimas notícias